Videoteca BoCA é um ponto de documentação, de historiação visual e de partilha pública, com o intuito de dar a conhecer o passado recente, desconhecido e poucas vezes documentado, de artistas que integram, na sua maioria, a programação da BoCA.

Percecionamos estéticas, conceções, direções, interesses e escolhas artísticas que se relacionam com uma geração, o seu contexto social, político e económico, mas que revelam também a intimidade dos artistas, mais jovens.

Oferecendo o acesso privilegiado a registos vídeos e a filmes de artistas – encenadores, coreógrafos, artistas visuais, performers -, a Videoteca BoCA conta com a colaboração dos próprios artistas, das suas estruturas de produção e de entidades públicas ou privadas que gentilmente cederam materiais de arquivo.

Durante a tarde, depois das aulas ou do trabalho, antes de assistir a um espetáculo ou na hora de almoço, a Videoteca BoCA instala-se no foyer do Teatro Nacional D. Maria II. É um ponto de encontro (físico), onde se podem descobrir obras que de outra forma não se teria oportunidade de ver, ou de rever.

 

Alguns artistas que integram a Videoteca BoCA:

Cecilia Bengolea, Cláudia Dias, Claudia Maté, Filipa Francisco, Florentina Holzinger, François Chaignaud, Héctor Zamora, Jan Martens, Jeremy Deller, João Pedro Vale & Nuno Alexandre Ferreira, Márcia Lança, Mariana Tengner Barros, Miguel Moreira, Musa paradisiaca, Paulo Castro, Rodrigo García, Romeo Castellucci, Tania Bruguera, Vasco Araújo, Vera Mantero.

Próximos Eventos

ler mais
  • Cattivo

    18 fevereiro 2020 — 23 fevereiro 2020
    São Luiz Teatro Municipal, Lisboa

    MARLENE MONTEIRO FREITAS

    Na edição BoCA 2019, a bailarina e coreógrafa Marlene Monteiro Freitas transgrediu a sua prática e criou “Cattivo”, a sua primeira (mega) instalação composta por centenas de estantes de partitura, que são exploradas até ao limite das suas propriedades expressivas. Assistimos à capacidade de encarnarem estados emocionais e de tomarem decisões, manipulando-se a si mesmas e a outros objetos. Agora é a oportunidade única de descobrir a adaptação desta criação em Lisboa.

    ler mais