ECOTEMPORÂNEOS

Este é o projeto que tem juntado personalidades diferentes a pensar os espaços verdes da cidade de Lisboa em relação com a literatura. Agora, em formato online, cada convidado partilha uma fotografia sua numa paisagem natural, relacionando-a com um livro que tenha em casa. Estabelece-se um diálogo entre o interior e o exterior, entre o corpo (confinado na habitação e na fotografia), a natureza e a imaginação. Uma conversa informal via live do instagram na qual a comunidade online é chamada a participar.
Todos os domingos até, pelo menos, 30 de Junho 2020.

Todas as segundas-feiras lançamos a programação da semana no nosso website e redes sociais. Subscreve a nossa newsletter e o nosso canal de Youtube para receberes notícias em primeira mão.

 

SEMANA 4

Convidado: Constança Entrudo (designer de moda)
Localidade da fotografia:
Madeira, 2015
Livro escolhido: “Visão Invisível” de Jean Cocteau, editora Sistema Solar

“Parece-me que a invisibilidade é a condição para a elegância” trata Jean Cocteau em “Visão invisível”, livro escolhido por Constança Entrudo para a próxima sessão de Ecotemporâneos, que relaciona com uma fotografia sua de 2015 a nadar na ilha da Madeira, onde nasceu. Uma conversa em torno de moda, sustentabilidade, natureza e literatura a não perder no domingo, dia 17, às 16h, com o apoio da editora Sistema Solar.
Juntem-se à sessão live no instagram.

Constança Entrudo nasceu em Lisboa. Viveu em Londres durante seis anos, onde se licenciou em Design Têxtil pela prestigiada Central Saint Martins, e trabalhou para Marques’Almeida e Peter Pilotto.
Em 2017, torna-se designer da Balmain, sob a direção criativa de Oliver Rousteing, em Paris, e lança a sua marca na ModaLisboa, onde apresenta a primeira coleção em nome próprio para o verão de 2018.
A sua criatividade não se deixa moldar por regras, por estruturas pré-definidas ou por uma única perspetiva ou linguagem estética, por não querer excluir novas possibilidades de descoberta, de experimentação e colaboração com outros designers ou artistas. Por isso, as suas coleções não podem ser limitadas pelo género ou pela idade – são sempre pela liberdade de imaginar, de concretizar e de vestir.

Próximos Eventos

ler mais
  • O CARRO FALANTE

    16 junho 2024 — 18 junho 2024
    Wiener festwochen

    AGNIESZKA POLSKA

    A convite da BoCA, Agnieszka Polska cria a sua primeira peça de teatro, com interpretação de Albano Jerónimo, Íris Cayatte, Vera Mantero e Bartosz Bielenia. Um grupo de pessoas viaja num carro que não para. Um espetáculo sobre o papel de alguém preso no complexo sistema de agentes humanos, não-humanos e infraestruturas sociotecnológicas.

    +
  • TERRA COBRE

    18 julho 2024 — 19 julho 2024
    Festival dos Canais

    JOÃO PAIS FILIPE & MARCO DA SILVA FERREIRA

    Nova criação do artista sonoro João Pais Filipe e do dançarino Marco da Silva Ferreira que cruza a arte chocalheira tradicional da vila de Alcáçovas, no Alentejo, com práticas artísticas contemporâneas.

    +
  • O Carro Falante

    06 setembro 2024 — 07 setembro 2024
    Nowy Teatr

    AGNIESZKA POLSKA

    A convite da BoCA, Agnieszka Polska cria a sua primeira peça de teatro, com interpretação de Albano Jerónimo, Íris Cayatte, Vera Mantero e Bartosz Bielenia. Um grupo de pessoas viaja num carro que não para. Um espetáculo sobre o papel de alguém preso no complexo sistema de agentes humanos, não-humanos e infraestruturas sociotecnológicas.

    +
  • O Carro Falante

    09 outubro 2024 — 10 outubro 2024
    HAU Berlim

    AGNIESZKA POLSKA

    A convite da BoCA, Agnieszka Polska cria a sua primeira peça de teatro, com interpretação de Albano Jerónimo, Íris Cayatte, Vera Mantero e Bartosz Bielenia. Um grupo de pessoas viaja num carro que não para. Um espetáculo sobre o papel de alguém preso no complexo sistema de agentes humanos, não-humanos e infraestruturas sociotecnológicas.

    +